Como Trabalhar Em Casa Com Filhos Pequenos – Negócios Para Mães

Como Trabalhar Em Casa Com Filhos Pequenos – Negócios Para Mães

É fundamental saber como trabalhar em casa com filhos pequenos. Mas vamos te adiantar que não é nenhum bicho de sete cabeças! 

Aliás, tornou-se uma grande oportunidade de você tocar o seu próprio negócio sem sair de perto dos seus filhos. 

Você vai poder produzir aquilo que deseja e ainda acompanhar toda a fase de crescimento das crianças. 

Isso também vale para quem quer ficar afastada do trabalho para curtir o primeiro aninho, sem abrir mão de uma fonte de renda. ☝

Nesse artigo, você vai descobrir como trabalhar em casa com filhos pequenos sem grandes transtornos e podendo ampliar as próprias possibilidades! 

Importância da relação com o filho 

É fundamental que a mãe, nos primeiros anos de vida, fique por perto da criança. Isso vai facilitar o desenvolvimento em diversos aspectos.

A ausência também pode criar algumas consequências, o que pode ser difícil de reparar anos mais tarde.

Por isso, descobrir como trabalhar em casa enquanto fica próxima dos filhos vai tornar os seus dias muito mais felizes!

Separamos alguns aspectos em que a criação é prejudicada por conta do distanciamento da mãe.

1. Ausência de vínculo 

Deixar a criança muito tempo com outra pessoa responsável pela criação, como uma babá, um irmão ou um avô, pode fazer com que haja uma substituição natural nos sentimentos dela!

O vínculo mais fortalecido será entre o bebê e a pessoa que está mais próxima, evitando que o laço afetivo mais intenso seja com a própria mãe.

É claro que muitas mães necessitam trabalhar! E isso envolve uma longa rotina fora de casa.

Mas, sempre que possível, a mãe deve demonstrar preocupação ao se manter por perto. Participar da infância é vital para a sequência do crescimento.

E é exatamente isso que você pode ganhar ao saber como trabalhar em casa com filhos pequenos.

2. Educação 

É preciso conviver com proximidade para poder ensinar, com calma, o que é certo ou errado!

As crianças costumam aprender muitos costumes fora de casa e a ausência da mãe pode fazer com que as correções venham um pouco tarde.

Trabalhar perto de seus filhos fará com que você tenha mais tempo para ensinar boas maneiras, além de deixar claro quais são os comportamentos que não serão aprovados.

3. Limites 

A ausência da mãe também dificulta na hora de ensinar este princípio básico.

Um filho deve saber qual é a forma correta de se comportar, entendendo o que pode ou não fazer.

Não deixe de ensinar qual é o limite e evite, de todas as formas, ceder a todas as solicitações de uma criança.

A missão se torna muito mais fácil ao trabalhar em casa, pois com o convívio direto você terá noção de quais limites o seu filho costuma ultrapassar.

4. Prioridade 

Em alguns momentos, a criança precisa sentir que é a prioridade. Seja em algum momento difícil ou nas pequenas coisas do cotidiano, como a companhia, o afeto ou a ajuda em algum dever de casa.

É fundamental manter a proximidade até quando a criança está em algum momento de birra ou irritação. Elas gostam de saber que você se preocupa.

Por isso, entender como trabalhar em casa com filhos pequenos vai te ajudar a fortalecer a relação e fazer com que a criança não cresça com nenhuma grande carência.

5. Relação com o próximo 

Crianças que crescem mais próximas dos pais aprendem melhor a conviver em sociedade.

A preocupação e a empatia são logo aprendidas, visto que a convivência com os entes queridos faz com que o bebê se sinta mais confiante.

Mantenha uma boa relação nos primeiros anos de vida, investindo principalmente no diálogo.

Passando mais tempo em casa e transmitindo princípios da maneira em que acredita, a criança terá melhores referências e, assim, mais facilidade em se comunicar.

6. Figura de autoridade 

É um fato comprovado que as crianças que crescem sem as referências maternas e paternas acabam tendo problemas em reconhecer figuras de autoridade.

Isso acaba resultando em muitos outros problemas, incluindo a rebeldia e a dificuldade em respeitar imposições.

Deste modo, tente não se ausentar de nenhuma forma, participando de forma ativa desde os primeiros anos de idade.

É por isso que entender como trabalhar em casa com filhos pequenos pode ser uma experiência transformadora. Este contato inicial na vida das crianças pode gerar resultados extremamente positivos em questão de lealdade, respeito e obediência.

7 . Problemas comportamentais 

Uma ausência constante na vida da criança pode gerar sequelas. Principalmente envolvendo o comportamento.

É normal que alguns filhos criem um comportamento egoísta e arrogante, tentando mascarar o sofrimento pela ausência de afeto.

Como uma forma de escudo, este mecanismo está presente em diversas crianças que tiveram fraca participação dos pais na criação.

Por isso, descobrir como trabalhar em casa com filhos pequenos pode ser uma solução muito interessante para que este vazio nunca surja entre você e o seu filho, gerando uma relação fortalecida e duradoura.

8. Problemas de autoestima 

Uma criança pode sentir a falta dos pais de diversas formas. A ausência pode deixar diversas marcas diferentes, atrapalhando fases do crescimento.

Depois que o convívio social deixa de ser apenas em casa, a situação pode piorar. A falta de participação dos pais na escola ou em outros ambientes frequentados pela criança vai criando uma espécie de vazio.

Ela pode começar a pensar que o problema é com ela, pois seus pais nunca possuem vontade de estar por perto. Isto pode gerar muitos transtornos durante o desenvolvimento.

Trabalhar em casa também pode lhe render mais tempo para este tipo de situação. Você poderá acompanhar o seu filho nos mais diversos eventos sociais.

9. Falta de afeto ☹

Pais que passam muito tempo fora de casa fazem com que o filho realmente questione o amor deles. Principalmente nos primeiros anos de vida.

Isto gera um grande desgaste, principalmente se a relação não for boa, se não houver brincadeiras, diálogos e interações entre as partes.

Por isso, sempre que possível, deixe o seu filho saber o quanto é amado! Gestos podem ajudar muito em um desenvolvimento mais saudável!

E isso também é fundamental para que ele não cresça sentindo a falta de algum carinho.

Trabalhar em casa pode se tornar uma ilusão 

Hoje, a internet oferece diversas possibilidades para quem quer descobrir como trabalhar em casa com filhos pequenos.

Porém, é preciso estar de olho em todas as falsas promessas que são feitas. Muitas pessoas investem em ideias totalmente forjadas ou abrem mão de renda fixa para serem enganadas.

Listamos alguns golpes manjados que, infelizmente, são recorrentes no mercado.

1. Golpe do investimento inicial 

Não confie em nenhum anúncio que pede para você pagar algum valor antes de começar a prestar serviço.

É uma prática que se tornou comum, principalmente pela ausência da oferta de trabalho em muitas regiões.

O dinheiro é embolsado pelo anunciante via transferência e nenhum contato é mantido. A oportunidade de trabalho simplesmente não existe.

2. Propostas mirabolantes 

Muitas empresas querem te abordar ao explicar como trabalhar em casa com filhos pequenos de maneira rápida, prática e sem esforços. É praticamente um sonho!

E é mesmo! E que, no final, se torna um pesadelo. Principalmente se o contratante pegar os seus dados!

Infelizmente, suas informações podem ser usadas para qualquer fim indevido. Evite este tipo de abordagem e procure trabalhos que sejam altamente realistas.

3. Conheça o empregador 

As referências são fundamentais na hora de escolher uma empresa para a qual você vai prestar serviços. Isso pode evitar uma série de consequências, como o popular “calote”.

Muitas empresas desfrutam dos serviços de funcionários e acabam não recebendo os valores corretos, ou nem chegam a ver este dinheiro.

Como trabalhar em casa é um sonho para diversas brasileiras, são muitos os casos de pessoas que aceitam trabalhos sem conhecerem o empregador. Seja cuidadosa e precavida!

 

Artesanato como solução: saiba como trabalhar em casa com filhos pequenos 

Por ser uma atividade que pode ser realizada em casa com extrema praticidade, desde que seja preparada uma estrutura, o artesanato aparece como tendência entre as mulheres que querem ficar pertinho dos filhos nos primeiros anos de vida. 

Para que o seu empreendimento possa trazer excelente retorno financeiro, além de reforçar a proximidade com as crianças, alguns passos são fundamentais neste processo.

A importância de um bom curso 

Antes de qualquer coisa, é fundamental buscar um ótimo curso de artesanato! Desta forma, você saberá como trabalhar em casa com filhos pequenos dispondo de toda a estrutura necessária, sabendo organizar melhor o tempo. 

Um ensino especializado vai te ensinar a trabalhar com todos os materiais, incluindo os recicláveis. Você poderá produzir muitos produtos legais gastando quase nada!

Dominando todas as técnicas e se aprofundando no estudo, você saberá como trabalhar em casa com filhos pequenos sem abrir mão da qualidade no próprio produto.

Também é um meio de você ampliar suas ideias, criando mais opções de produtos. Com uma variedade impressionante, o artesanato será capaz de lhe render diversos trabalhos diferentes dentro de um só! 

3 excelentes cursos para você se inscrever agora!

Separamos três dicas excelentes para que você possa aprofundar o seu conhecimento e dominar técnicas novas, deixando a sua produção mais moderna, variada e chamativa!

1. Tiaras Para Bebê

A primeira é o curso para aprender a criar tiaras para bebês. É um processo extremamente simples e prático, mas que vai conseguir gerar um impacto grande em suas vendas. Este item é extremamente procurado por pais e mães.

2. Sapatinhos Para Bebê

Ainda no mercado para bebês, a segunda dica vai fazer com que você atenda este mercado de forma mais completa! Aprenda a fazer sapatinhos, item que chama a atenção pela beleza e utilidade.

3. Laços Para Pets

Por último mas não menos importante, damos atenção a um mercado que está em expansão constante! Aprenda a produzir laços para pets, pois os donos sempre ficam encantados e interessados em atribuir novos itens ao animal de estimação.

O que é tão legal nesses cursos? 

São três cursos extremamente práticos, com alta qualidade e que apresentam excelente custo-benefício. É uma forma de iniciar a trajetória no artesanato com o pé direito, já pensando em entrar no mercado de vendas!

Depois de estudar com extrema dedicação, é hora de praticar! Comece a fazer os trabalhos da forma como imaginou, buscando a melhor qualidade possível no produto final.

Este exercício é muito importante para que, no futuro, você possa abordar consumidores finais e lojistas com excelentes opções, gerando interesse imediato em sua originalidade!

O início dos seus experimentos exigirá um foco único e exclusivo. Claro que você terá tempo de ficar mais perto das crianças com frequência, mas é muito importante ficar de olho na própria disciplina.

Tente separar algum tempo por dia para trabalhar. Separe um espaço da casa para a realização do artesanato. Não precisa ser um ateliê completo, mas precisa trazer a tranquilidade necessária para que as boas ideias surjam.

Também é sempre interessante ficar de olho em técnicas novas! Os trabalhos envolvendo sprays, plásticos recicláveis ou elementos diferentes, como caixas de fósforos ou fios usados, fazem grande sucesso!

Comece com pouca demanda e vá aumentando aos poucos, de acordo com a sua disponibilidade. Você verá que não é tão complicado conciliar tudo. Seus filhos sempre estarão por perto, mesmo quando você estiver empenhada em gerar renda

Procure manter uma relação fiel com os clientes! Com certeza, você encontrará pessoas interessadas em seu trabalho. Sempre que houver uma novidade, tente apresentar a quem costuma comprar os seus produtos.

E o seu relacionamento também pode se expandir aos lojistas, negociando interessantes vendas por atacado. Porém, tente não prometer mais produtos do que aquilo que você consegue produzir. Mantenha uma relação amigável e acompanhe como os seus artigos estão se saindo. 

Três dicas finais que você não pode ignorar!

Nesta hora, em que você está expandindo seus horizontes e fazendo mais dinheiro, foque em três situações.

A primeira é a estruturação de um plano de negócio. Mesmo sabendo como trabalhar em casa com filhos pequenos, você precisa definir quais os objetivos a curto, médio e longo prazo. Tente agir da maneira mais organizada possível! 

E isso envolve a elaboração do segundo item: o catálogo. É por meio dele que muitos clientes e lojistas vão passar a te conhecer. Tente detalhar todos os seus produtos, colocando o máximo de informações possíveis, incluindo volumes mínimos e máximos para encomendas. 

Por último, onde vão conseguir acessar o seu catálogo? É nesta hora que as redes sociais entram com força! Procure construir páginas bem produzidas e esclarecidas e isso também vai facilitar o contato direto com o cliente. 

Considerações finais

Viu só como trabalhar em casa com filhos pequenos pode se tornar prazeroso?

O ramo do artesanato proporciona esta e muitas outras vantagens. Faça dinheiro de forma segura e sem se distanciar das pessoas que você mais ama! 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *